Juceal header.pt br
Alagoas em dados Acesso informacao
Br Us Es
13 de Junho de 2017

Referência no país, Juceal apresenta registro empresarial para estudantes de direito

Nesta terça (13), alunos da Faculdade Raimundo Marinho visitaram o órgão alagoano

Hotton Machado

A Junta Comercial do Estado de Alagoas (Juceal) é considerada pela Receita Federal referência no país em relação às ações adotadas para o desenvolvimento do registro de negócios e da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim). E para apresentar os serviços que colocaram o órgão como destaque nacional, a Juceal recebeu, nesta terça-feira (13), a visita de estudantes de direito da Faculdade Raimundo Marinho.

A visita contou com a apresentação ministrada pelo assessor da Redesim em Alagoas, Ralf Albuquerque, que destacou as funções essenciais do órgão alagoano, os tipos de empresas registradas e a evolução na gestão que possibilitou modernizar os serviços, tornando o fluxo do processo dentro da Juceal totalmente on-line.

Para o assessor, a gestão de qualidade permitiu que a Junta Comercial transpassasse o serviço somente de registro e ampliasse para a administração da Redesim, auxiliando na legalização dos negócios no estado.

Após a apresentação, os estudantes conferiram in loco o andamento dos processos empresariais, desde o atendimento, passando pelo setor de digitalização até a assessoria técnica, local onde a documentação é analisada pelo deferimento do registro.

Responsável por organizar a visita, o professor e vogal da Juceal, Fábio de Lima, ressaltou o intuito de conhecer, na prática, o demonstrado na matéria de direito empresarial. “Com essa visita, procuramos apresentar a realidade do registro mercantil no estado, não ficando somente na teoria de dentro da sala de aula. Além disso, trazer os estudantes para observar uma Junta Comercial modelo, referência em nível nacional pela qualidade e pela excelência atingidas”, completou.

Coordenada para dar uma nova perspectiva ao trabalho do órgão, a evolução dos serviços também foi elogiada. Presente na visita, a estudante Silvana Maria, que também é contadora por formação, frisou que trabalha diretamente com a Juceal há 35 anos e que a modernização do órgão deve ser reconhecida: “Eu passei por cada mudança da Junta Comercial, senti isso no meu trabalho e posso dizer que a Junta cresceu muito. Estão de parabéns.”

Imagens:

999 1 999 2

Últimas Notícias