Notícia

JUCEAL

Junta Comercial do Estado de Alagoas
Sexta, 25 Agosto 2017 16:24

Alagoas é essencial para a evolução do registro empresarial no país, diz presidente da Juceal

Presidente Carlos Araújo participa de encontro de Juntas Comerciais e destaca os avanços alcançados pelo estado

Texto de Hotton Machado

 

A Junta Comercial do Estado de Alagoas (Juceal) participa, durante esta semana, da 36ª edição do Encontro Nacional de Juntas Comerciais (ENAJ), realizada em Fortaleza (CE) e reunindo representantes de todas as regiões do país. Com a busca pela integração e padronização nacional do registro de negócios como tema, o patamar alcançado por Alagoas na área também permeiam as discussões do evento.

O encontro é voltado para os presidentes, secretários-gerais, procuradores e diretores de tecnologia da informação dos órgãos das 27 unidades federativas do país, com focos principalmente na disponibilização de um ambiente on-line cada vez mais moderno para registro empresarial e na evolução da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim).

Alagoas é referência na implantação da Redesim, ocupando o primeiro lugar no ranking desenvolvido pela Receita Federal e sendo ainda o estado otimizador da interface base que hoje é utilizada por outras onze unidades federativas. E as ações realizadas pelo estado servem como referência de modelo a ser observado, o que foi apontado especialmente no grupo de trabalho que reúne os presidentes.

Durante apresentação sobre empreendedorismo direcionada pela organização Endeavor, o presidente Carlos Araújo foi convocado a citar a experiência exitosa em relação ao tempo de registro de negócios, da qual o gestor destacou o levantamento feito em julho que apresentava o deferimento de processos singulares na média de 7h.

Quando a discussão focou-se na evolução da Redesim em território nacional, o presidente da Junta Comercial do Estado do Tocantins, Carlos Alberto, ressaltou que, somente agora, os estados estão com foco em busca de uma efetivação do projeto de simplificação do ambiente de negócios, algo já consolidado em Alagoas. O presidente da Juceal adicionou: “Vemos que com o passar desses encontros, essa ideia contaminou a todos os estados com um propósito, vendo que o povo brasileiro não merecia continuar com aquele ambiente de burocracia.”

Após a reunião, o gestor do órgão alagoano pontuou que o estado é essencial para o desenvolvimento do registro e a integração das unidades, contando com um sistema efetivado e amplamente utilizado. “O que é da sociedade, não pode ser tirado dela, e é isso com o Portal Facilita Alagoas. Temos que buscar apenas sempre melhorar com o sistema”, completou.

O ENAJ segue com programação até o sábado (26), contando ainda com a presença de representantes do Departamento de Registro Empresarial e Integração (Drei), Secretaria Especial da Micro e Pequena Empresa (SMPE) e Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), entidades federais às quais as Juntas Comerciais estão subordinadas.

Imagens:

1025 1 1025 21025 3